junho 14, 2012

   "Não quero que o meu destino ou a Providência me tratem bem. 
Sou essencialmente um lutador."
D. H. Lawrence

Dei por escrever.
Tenho entendido que todos os momentos são momentos de escrita, sobretudo os momentos de escuta. O curioso é que os momentos de escuta quase nunca consolam, e por não consolarem, nos deslocam.
Escrevo no deslocamento.
Dou de mim no que não sei quem sou nos momentos em que escrevo. Abrem-se-me as coisas, racham-se as palavras, e desbravo.
Escrever é permutar o silêncio.
Esvaziar o que se intenta dizer, e nutrir-se.
Inscrevo-me em vazios e desvãos que por instantes me insistem.
Escrevo na superfície.

junho 13, 2012

Nutrir-se

Frio. Fogo. Chá de bergamota e tinta no papel. Boa fortuna. Comprometer-se traz felicidade.